Publicação n.º 8 de 17 de junho_2019

 

Paisagens, palavras e imagens

No dia 13 de junho, os alunos das turmas D, E, F e G do 7.º ano saíram da Escola Básica 2.º e 3.º Ciclos Paulo da Gama rumo ao Parque Urbano do Seixal, no âmbito de um conjunto de atividades integrantes da Semana Fora da Sala que decorreram na última semana de aulas deste ano letivo. Este domínio de autonomia curricular envolveu as disciplinas de Educação Visual, Geografia e Português e promoveu uma oficina de escrita e de registos gráficos.
No percurso, de cerca de meia hora, os alunos iam convivendo e observando a paisagem que o “passeio marítimo” ao longo da Baía do Seixal, Amora, Arrentela e Seixal lhes proporcionava. Os olhos curiosos de muitos deles deixavam transparecer o desejo de chegar rapidamente ao local que ainda não conheciam.
Chegados ao parque e visivelmente agradados com o “miradouro natural” para o Tejo e Lisboa, agruparam-se de forma organizada. Foi, então, a partir deste patamar elevado de vinte e oito metros sobre o Seixal que os alunos começaram a desenhar paisagens e pessoas. Tendo por base a paisagem circundante, passaram à escrita de um slogan, tendo em conta que este teria diferentes destinatários: jovens, idosos, turistas e crianças. Demonstrando grande concentração e interesse na realização do trabalho, por vezes, os alunos iam chamando pelos professores para colocarem uma ou outra dúvida. Em outros momentos, eram os professores que se aproximavam para lhes dar algum feedback acerca do trabalho.
Já perto da hora de partida, todos os alunos se sentiam orgulhosos dos registos gráficos que tinham feito, bem como dos slogans que iam apresentando aos colegas.
À medida que iam abandonando o espaço, iam deixando no ar: “Vem ao parque Urbano do Seixal! Não há sítio igual! É sensacional!” ou “Welcome to the Parque Urbano do Seixal! Onde a natureza é excecional”...
A associação dos conteúdos de diferentes áreas do saber a situações presentes no meio geográfico em que os alunos se inserem, experimentando formas de trabalho fora da sala de aula, tais como atividades de observação, atividades cooperativas de aprendizagem, orientadas para a integração e troca de saberes, envolve, sem dúvida, práticas docentes determinantes para o desenvolvimento dos alunos.

As professoras Ana Bela Matos, Dores Oliva e Lígia Pereira

  • a
  • b
  • c
  • d
  • e
  • f
  • g
  • h


Copyright © 2019 A.E. Paulo da Gama 

Webdesign Webfarus